fbpx Como se preparar para uma consulta médica - Sidesc
Se você está com uma consulta médica agendada, muito provavelmente este artigo vai mudar a sua forma de se preparar para esse evento. É bem importante ter em mente que o paciente também é peça-chave para que a experiência em uma consulta seja positiva e o diagnóstico seja mais preciso.

 

E como fazer isso? Colocando em prática algumas recomendações, que podem ser providenciadas antes mesmo da consulta médica. Listamos abaixo as principais dicas.

 

1) Apresente os exames anteriores

Para que o médico consiga obter uma imagem mais completa do seu histórico clínico, é bem importante levar consigo cópias de registros médicos anteriores, assim como exames. Vale, inclusive, manter tudo organizado em ordem cronológica.

 

Fale ao médico o que tem acontecido em relação à sua saúde desde a última consulta médica. Cite quaisquer mudanças que você tenha notado em seu apetite, peso, sono ou nível de energia. Informe também sobre quaisquer alterações feitas em algum medicamento que você ingira periodicamente.

 

 

2) Fale sobre o seu histórico familiar

Seu pai, mãe, avós ou irmãos possuem alguma complicação de saúde? Histórico de câncer, diabetes, hipertensão, por exemplo. Se você não souber, pergunte a eles. Todas as informações coletadas devem ser apresentadas ao médico. Elas podem auxiliar na construção de diagnósticos e para estipular recomendações extras.

 

3) Reflita sobre as perguntas tradicionais de uma consulta médica

Se você agendou ou pretende agendar uma consulta médica porque está sentindo um incômodo ou algo diferente, é bem importante refletir sobre todas as informações que podem contribuir durante a conversa. Entre as perguntas que, muito provavelmente, o médico fará estão:

 

– Quando o sintoma começou?
– Isso já aconteceu antes? Caso sim, quando?
– Você percebe que algo desencadeia isso?
– Está presente todos os dias ou vai e volta?
– É pior em algum período do dia ou é constante?
– Se o sintoma está causando dor, qual a intensidade?

 

 

4) Detalhe os medicamentos e suplementos que você ingere

O médico precisa estar a par de quais medicamentos você costuma ingerir, incluindo aqueles prescritos por outros médicos. Também vale citar os suplementos dietéticos, como vitaminas e minerais. Para facilitar, faça uma lista de todos esses produtos ou, se preferir, leve os frascos originais para que o médico possa analisar. Não se esqueça de informar sobre a frequência com que você os ingere. Além disso, caso você tenha deixado de ingerir alguma medicação suplemento dietético prescrito anteriormente, relate o por quê.

 

 

5) Questione sempre que surgir alguma dúvida

Durante a consulta médica é bem comum que os médicos forneçam uma série de informações em um curto espaço de tempo. Caso você não entenda algo, faça perguntas enquanto estiver no consultório. Não sinta medo ou vergonha de questionar. Lembre-se sempre que o médico está lá para te ajudar e fará questão de esclarecer qualquer dúvida.

 

Agora que você já está por dentro das principais recomendações para ter uma excelente consulta médica, aproveite para conhecer a rede de profissionais parceiros do Sidesc e escolher o médico mais próximo a você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *